domingo, 25 de outubro de 2009

Dupla articulação da lingua

Inicialmente cabe a busca da origem da palavra articulação: Vinda do latim “articulus” que significa “parte, subdivisão, membro”.
Partindo desse princípio ao dizer que a língua é articulada, tem-se por objetivo afirmar que as unidades lingüísticas são passíveis de serem segmentadas em unidades menores.
As expressões da língua são divididas em dois planos:
O primeiro plano é constituído por unidades dotadas de sentido e a menor dessas unidades chama-se morfema. Nessa primeira articulação da linguagem as unidades são compostas de matéria fônica e sentido, ou seja: significado + significante.
No segundo plano, pode-se dividir os morfemas em unidades ainda menores e, nessa etapa as unidades ficam desprovidas de sentido passando a serem chamadas de fonemas. Essa é a segunda articulação da língua, nesse plano da linguagem, as unidades possuem apenas valor distintivo, já que com a mudança de fonemas podemos formar palavras diferentes.
A dupla articulação é um fator de economia lingüística, pois com poucas dezenas de fonemas, formam-se diversas unidades de primeira articulação.
Se o Ser humano produzisse um som diferente para cada expressão, teria uma enorme sobrecarga de memória, fora que o aparelho fonador não teria capacidade de emissão de tantos sons diferentes tampouco o ouvido conseguiria captar tamanha carga de produção fônica.

8 comentários:

Ana Al Izdihar disse...

Bem, como eu já comentei contigo... não ouso comentar sobre esta parte do estudo das línguas.

Mas adorei o texto, já disse antes...

Anônimo disse...

Parabéns pelo texto, ele é simples e de facil entendimento.
Obrigado.

Bruna disse...

Ajudou mais que tudo. Muito bom!

Anônimo disse...

Gostei do texto.. Bem fácil de entender, mas acho que vc deveria ter citado o nome do autor em que vc se baseou. Martelotta em seu livro: Introdução aos estudos linguísticos, trás um capítulo falando sobre dupla articulação.. e a semelhança entre seu sexto e o capítulo é perceptível com apenas uma leitura.

Meire Santana. disse...

Eu também gostei. Simple e objetivo.

Anônimo disse...

eu também gostei simples de ser entendido

Anônimo disse...

Eu também gostei simples de ser entendido. porém poderia colocar o nome do autor.

Anônimo disse...

Gostei bastante do texto, me ajudou muito a entender sobre este assunto. simples e objetivo, valeu!!!